O presidente do FC Paços de Ferreira, em declarações ABOLA TV mostrou-se bastante crítico e cético relativamente ao regresso apressado do futebol que a Liga quer promover, “apenas por questões económicas”.

Em tom duro para com o Plano traçado que prevê o regresso à competição no final de maio, de forma a cumprir os 10 jogos que faltam na I Liga, Paulo Meneses questionou a falta de realismo pra a situação, por parte do organismo que gere o futebol. “Da II Liga vão subir dois Clubes sem ter que jogar os 10 jogos que faltam, enquanto na I Liga há meia dúzia que vão ter que jogar e dois vão descer. Não há um Plano B da Liga para o caso de não ser possível jogar as 10 jornadas que faltam. Querem o futebol a tudo custo, é uma questão económica e estamos a pô-la acima da saúde. O impacto das despesas que vamos ter com; mais salários, testes e demais logística será idêntico ao valor que ainda temos a receber de direitos televisivos”.

O presidente do FC Paços de Ferreira questionou também o que sucederá à verdade desportiva do campeonato. “A 30 de junho os jogadores podem ir embora porque acabam contrato. E se decidirem sair? Considerarem um jogador infetado como tendo uma mera uma lesão, como é possível? E se o Paços tiver três guarda-redes infetados, vai um jogador para baliza?”
Paulo Meneses espera que o bom senso impere por parte dos organismos que gerem o futebol. Espero que o futebol não regresse no último fim de semana de maio. “Em tão curto espaço de tempo não é possível voltar à competição com a preparação necessária para um campeonato profissional”.

Plantel profissional já fez o Teste Covid19

Mesmo tendo esta posição dura perante um regresso “anárquico” dos jogos, a equipa tem que se preparar para o mesmo e, por isso, atletas, equipa técnica, equipa médica e staff envolvido diretamente com o plantel principal do clube realizaram, esta sexta-feira, testes à COVID-19 para garantir que todos se encontram aptos e livres da doença.

Os resultados são conhecidos ainda este fim de -semana e, caso todos sejam negativos, o plantel profissional do FC Paços de Ferreira volta aos treinos a partir de segunda-feira, dia 4 de maio, sob fortes medidas de higiene e segurança, de acordo com as normas da Direção Geral da Saúde.

Durante esta fase, os atletas chegam ao Estádio Capital do Móvel já equipados de casa, e vão realizar treinos individuais, sendo, para isto, utilizados os três relvados existentes na Mata Real. Cada atleta terá o seu material de treino e respeitará, portanto, a distância de segurança exigida.

No final, devem voltar para as suas residências – os balneários não serão usados. Fora do período de treinos, os atletas, equipa técnica, equipa médica e staff do clube devem continuar a respeitar o isolamento social.

Link do Video: https://youtu.be/sMGczrUsuP8





















Fonte: www.imediato.pt