Um grupo de voluntários de Lordelo aceitou o repto da Junta de Freguesia e vai distribuir seis mil máscaras faciais pelas famílias da freguesia. O material será colocado na caixa do correio das habitações, juntamente com um folheto a explicar os procedimentos para o uso da máscara.

É mais uma iniciativa altruísta que acontece em Lordelo, e que partiu de uma iniciativa da Junta de Freguesia, nesta fase pandémica, que tem obrigado ao isolamento social para combater a propagação da COVID-19. Desta vez foi um grupo de voluntários de Lordelo que produziu máscaras faciais em massa com o objetivo de distribuir pelas famílias da freguesia. “Os Lordelenses irão receber nas caixas de correio máscaras produzidas com tecido de qualidade, laváveis e reutilizáveis, acompanhadas de um pequeno guia onde, para além de algumas informações e contactos úteis, sugerimos o uso da máscara, de forma a que nos possamos proteger uns dos outros”, referiu Nuno Serra, presidente da Junta de Freguesia de Lordelo.

As máscaras foram produzidas por “um grupo de voluntariosos Lordelenses, com um coração do tamanho do mundo e que, com este gesto, nos tocam verdadeiramente e nos fazem acreditar que vale a pena lutar por um mundo melhor. Em apenas uma manhã e alguns telefonemas, juntámos uma equipa laboriosa e todo o equipamento e matérias primas necessárias para que, ao fim de alguns dias, fossem feitas milhares de máscaras”, acrescentou.














Fonte: www.emissor.pt