Feira da Capital do Móvel muda-se para a cidade do Porto

A feira da Capital do Móvel vai sair de Paços de Ferreira e instalar-se na Alfândega do Porto. O departamento de feiras da AEPF optou por esta deslocalização, e que é inédita nas 52 edições do certame já realizadas. 

A justificação para a mudança baseia-se no interesse em chegar a um público referenciado e o Centro de Congressos da Alfândega, no Porto, foi o espaço para promover o mobiliário da região na 53.ª edição da Capital do Móvel, que vai decorrer entre 3 e 11 de agosto.

"Vivemos um momento positivo de expansão e sentimos que precisamos de novos voos e de alcançar novos públicos. Com a realização (…) na cidade do Porto vamos criar uma ponte de acesso para que muito mais pessoas conheçam a qualidade do principal produto da região, considerado um dos melhores do mundo", explicou o presidente da AEPF, Rui Carneiro, em nota de imprensa.

Esta deslocalização da maior feira do mobiliário já havia sido colocada em cima da mesa no ano passado, existindo a possibilidade de ser realizada na FIL, em Lisboa, mas os associados chumbaram a intenção.

Recorde-se que nas feiras do mobiliário realizadas em Paços de Ferreira costumam atrair mais de 20 mil visitantes numa semana, o que não acontecerá neste verão.

 

 

 

 

 

Fonte: www.emissor.pt

Arquivo de Notícias
Categorias
Aplicativos